Agrobase Brazil
Sencor 480 Registration date unavailable
BAYER - Herbicide
1288594

Obs.: Este produto não está cadastrado na Secretaria de Agricultura do Estado do Paraná para a cultura de café e para os alvos Amaranthus retroflexus, Brachiaria decumbens, Cenchrus echinatus, Eleusine indica, Panicum maximum para a cultura da cana-de açúcar, Hyptis lophanta e Spergula arvensis para as culturas de batata, cana-de-açúcar, mandioca, soja, tomate, trigo não podendo ser temporariamente recomendado / receitado nesse Estado.

INSTRUÇÕES DE USO
Sencor 480 é um herbicida seletivo, altamente eficaz e de largo espectro de ação contra plantas daninhas de folhas largas.
As doses menores são para solos de textura média e as maiores para solos argilosos.

 NÚMERO, ÉPOCA E INTERVALO DE APLICAÇÃO
Café
: aplicar em pré-emergência das plantas daninhas, sendo a primeira aplicação logo após a arruação. Realizar no máximo uma (1) aplicação por ciclo da cultura.
Cana-de-açúcar e batata: aplicação em pré-emergência e, de preferência, logo após a emergência das plantas daninhas e da cultura. Não aplicar sobre a cultura de batata se as plantas estiverem com mais de 5 cm de altura. Realizar no máximo uma (1) aplicação por ciclo da cultura.
Mandioca: aplicar logo após o plantio e antes das manivas brotarem. Realizar no máximo uma (1) aplicação por ciclo da cultura.
Soja: Sencor 480 é aplicado em pré-emergência das plantas daninhas e da cultura no plantio convencional, podendo ser também usado no plantio direto. Realizar no máximo uma (1) aplicação por ciclo da cultura.
Tomate: aplicar a partir de duas semanas após o transplante e em pré-emergência ou pós-precoce das plantas daninhas. Realizar no máximo uma (1) aplicação por ciclo da cultura.
Trigo: aplicar em pós-emergência, após o início do perfilhamento do trigo, estando as plantas daninhas com, no máximo 4 folhas. Aplicar exclusivamente em cultivares nacionais. Não fazer mistura de tanque com outros agrotóxicos ou com adubo foliar. Realizar no máximo uma (1) aplicação por ciclo da cultura.

MODO DE APLICAÇÃO
 O produto é aplicado na forma de pulverização. Sencor 480 é recomendado em aplicações aéreas e terrestres. A distribuição nas aplicações terrestres deve ser uniforme, podendo a vazão ser de 200 a 400 L/ha de calda.
Pressão da bomba: 40-60 lb/pol² - barra equipada com bicos 80:04 distanciados 50 cm entre si, à altura de 50 cm do solo. Na aplicação evitar sobreposições, pois isso causará aumento da concentração do produto acima do recomendado. Em aplicações aéreas recomenda-se que sejam empregadas no mínimo 20 litros de calda por hectare. O aparelho deve estar equipado com bicos leques ou D25, a altura de voo de 2 a 4 m, vento calmo ou menor que 8 km/hora, umidade relativa maior que 70 % e temperatura inferior a 30ºC.

INTERVALO DE SEGURANÇA 
Batata, café e tomate .................................... 60 dias
Trigo............................................................. 90 dias
Cana-de-açúcar ........................................... 120 dias
Mandioca e soja ................................................ (1)
(1) Intervalo de segurança não determinado devido à modalidade de emprego.

INTERVALO DE REENTRADA DE PESSOAS NAS CULTURAS E ÁREAS TRATADAS
Não entre na área em que o produto foi aplicado antes da secagem completa da calda (no mínimo 24 horas após a aplicação). Caso necessite entrar antes desse período, utilize os equipamentos de proteção individual (EPIs) recomendados para o uso durante a aplicação.

LIMITAÇÕES DE USO 
Além de se observar os intervalos de segurança e reentrada, o produto não deve ser usado em cultura de café com menos de 4 anos, em cultivares de trigo mexicanas e nas seguintes cultivares de soja: FT-21 (Siriema), FT Cometa, Coodetec 206, BRS 132, UFV-19, UFV-20, Campos Gerais, FT- 1, FT-11(Alvorada) e Embrapa 132.
Obs.: Alertamos que novas cultivares de soja a serem lançadas, deverão ser previamente testadas com aplicação de Metribuzin.

INFORMAÇÕES SOBRE MANEJO DE RESISTÊNCIA:
O uso continuado de herbicidas com o mesmo mecanismo de ação pode contribuir para o aumento de população de plantas daninhas a ele resistentes. Como prática de manejo de resistência de plantas daninhas deverão ser aplicados herbicidas, com diferentes mecanismos de ação, devidamente registrados para a cultura. Não havendo produtos alternativos, recomenda-se a rotação de culturas que possibilite o uso de herbicidas com diferentes mecanismos de ação. Para maiores esclarecimentos, consulte um Engenheiro Agrônomo.

Effective
Crops
Potatoes
BBCH
0 - 0
Registred norm
0.75 - 1.5
Preharvest Interval
60
Crops
Coffee
BBCH
0 - 0
Registred norm
1 - 2
Preharvest Interval
60
Crops
Sugarcane
BBCH
0 - 0
Registred norm
3 - 4
Preharvest Interval
120
Crops
Cassava
BBCH
0 - 0
Registred norm
0.75 - 1
Preharvest Interval
-
Crops
Winter wheat
BBCH
0 - 0
Registred norm
0.3 - 0.3
Preharvest Interval
90
Crops
Spring wheat
BBCH
0 - 0
Registred norm
0.3 - 0.3
Preharvest Interval
90
Crops
Tomatoes
BBCH
0 - 0
Registred norm
1 - 1
Preharvest Interval
60
Crops
Soybeans
BBCH
0 - 0
Registred norm
0.75 - 1
Preharvest Interval
-